“Terrir”: 5 filmes para quem quer rir no Dia das Bruxas

Outubro é o mês do horror, mas nem todo mundo gosta de tomar susto. Pensando nisso, o Pipocainan decidiu trazer para vocês alguns filmes para dar risada enquanto ainda se mantém o clima do Halloween.

O QUE FAZEMOS NAS SOMBRAS

Curte The Office? Então tá na hora de assistir O Que Fazemos nas Sombras. Escrito e dirigido por Jermaine Clement (Flight of the Conchords) e Taika Waititi (Thor: Ragnarok, Jojo Rabbit), o longa é um mockumentary que acompanha um grupo de vampiros na sua casa em Wellington, na Austrália.

Cada um dos quatro vampiros vem de determinada época da história e a comédia se instala pela quebra de expectativa. Ao contrário do esperado, os seres mitológicos estão longe de ser figuras pitorescas e assustadoras. Fofoqueiros, atrapalhados e reféns de suas necessidades carnais, os protagonistas encontram-se em cenas embaraçosas e absurdas.

Disponível no Amazon Prime Video.

ZUMBILÂNDIA

Embora ainda seja um filme “jovem”, Zumbilândia já conquistou o status de clássico entre as comédias de horror. Em um mundo assolado pelo apocalipse zumbi, o longa acompanha um estudante (Jesse Eisenberg) em sua jornada atravessando os Estados Unidos. Com uma edição estilosa e um roteiro cheio de easter eggs divertidos, Zumbilândia rapidamente tornou-se a maior bilheteria da história entre os filmes de zumbi – até ser superado por Guerra Mundial Z, em 2013.

Outro ponto a favor da produção é o elenco de peso. Além de Eisenberg, Woody Harrelson, Emma Stone e Bill Murray – em um de seus papéis mais memoráveis do século – estão presentes no filme.

Disponível na Netflix.

TODO MUNDO QUASE MORTO

Em 2004, Edgar Wright iniciou sua Trilogia do Cornetto com Todo Mundo Quase Morto, uma comédia de horror que segue a história de Shaun (Simon Pegg) e Ed (Nick Frost. Assim como Zumbilândia, os protagonistas são cidadãos comuns  no cenário do apocalipse zumbi e ambas produções contam com uma edição memorável e um humor ágil. Para apimentar ainda mais a premissa, por que não fazer com que os protagonistas sejam os últimos a saber do apocalipse por conta de uma ressaca?

O filme rapidamente entrou nas listas britânicas de melhores comédias de todos os tempos e não é à toa. A maneira como Wright realiza humor visual é digna de estudos de caso e veio a ser referenciada em diversas produções póstumas – entre elas, Zumbilândia, como comentado acima.

Disponível para aluguel no Google Play.

A MORTE TE DÁ PARABÉNS

Cerca de trinta anos atrás, Harold Ramis lançou um clássico com Feitiço do Tempo. O filme acompanha o personagem de Bill Murray preso em um loop temporal. Em 2017, o diretor Christopher Landon e o roteirista Scott Lobdell decidiram unir o conceito de Feitiço do Tempo com os slashers.

A Morte Te Dá Parabéns mostra uma estudante de faculdade que morre no dia do seu aniversário e se vê presa revivendo o seu assassinato. Com uma dinâmica acelerada e boas tiradas cômicas, o filme foi um sucesso absoluto de bilheteria e gerou uma sequência em 2019.

Disponível para aluguel na Claro Video.

UMA NOITE ALUCINANTE 2

O maior clássico cult da comédia de horror. Sam Raimi surgiu para o mundo de Hollywood com Uma Noite Alucinante – A Morte do Demônio em 1981, um filme de horror sobrenatural. Seis anos depois, o diretor, com o endosso de Stephen King, decidiu fazer uma sequência adicionando um elemento inusitado: a comédia.

Começando imediatamente após a produção original, Uma Noite Alucinante 2 acompanha Ash (Bruce Campbell) e sua namorada em uma viagem a uma remota cabana na floresta. Após uma misteriosa força demoníaca ser liberada, Ash passa a batalhar contra entidades malignas e Raimi faz questão de ridicularizar a presença dos antagonistas. 

Bruce Campbell brilha no papel principal e nos guia pela jornada de insanidade de Ash, incluindo um confronto consigo mesmo, automutilação, bruxas asquerosas e muito mais.

Disponível no NOW.

MENÇÕES HONROSAS

Alguns filmes são belos expoentes do gênero e ficaram de fora da nossa lista. O clássico El dia de la bestía, dirigido por Alex de la Iglesia em 1995, conta a história de um padre que busca pecar o máximo possível para impedir o nascimento do anticristo. Já em 2011, John Boyega surgiu no cenário britânico com o protagonismo em Attack the Block, horror de ficção científica com claras inspirações em Edgar Wright. No mesmo ano em que dirigiu Os Vingadores, Joss Whedon produziu O Segredo da Cabana, filme que busca rir de demais horrores de cabana. Uma sátira dos torture porn, o longa conta ainda com Chris Hemsworth no elenco. Para fechar, duas produções recentes: Plano-sequência dos Mortos, terrir japonês de zumbis, e Casamento Sangrento, estrelando Samara Weaving como uma noiva sendo caçada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *